Enxergando nós mesmos lá do topo do mundo

Quando nada parece fazer sentido, uma visão mais abrangente pode fazer toda a diferença.

Existe um lugar, dentro de nossa própria mente em que podemos fazer isso, e de lá, conseguimos nos ver como se não fôssemos nós mesmos.

É como se estivéssemos no topo do mundo.

Se você não conhece esse lugar ainda, procure por ele. Está aí dentro de você mesmo.

Encontre seu próximo passo, saindo de você por alguns segundos, e olhando o quadro inteiro 🙂

assinatura digital

Paul Sampaio, perfil, 1  Paul Sampaio – Autor

bracos-abertos-montanha-mar-topo-mundo

Anúncios