A Fórmula do Crescimento ou da Destruição


Como estão suas raízes?

Se você pretende crescer, é preciso falarmos sobre elas agora.

Lembre-se primeiro, do lugar onde nasceu e foi educado. Das correções que fez no seu caminho, suas escolhas quando você era criança e ainda sabia sonhar, as pessoas que já fizeram parte de sua vida, os lugares onde esteve, e todo o bem e o mal que já trouxeste para esse mundo, e por fim, eis você.

Uma viagem para o outro lado do planeta, e você pode até esconder tudo isso de todos e ser uma outra pessoa. Uma pessoa que viva longe de si mesma e de tudo que pertence a àquele mundo, mas mesmo assim, será possível viver sem suas raízes?

O abuso sexual infantil, o preconceito racial, o pai alcoólatra, a falta de estudo, a opressão do mais rico, ou a mãe prostituta, são coisas que todos queríamos poder deixar para trás, mas não dá.



Seja acidental, ou não, de nascença, hereditário ou individual, único … todo sofrimento, todo mal e toda dor que conhecemos nessa vida tem o seu propósito.

Então, quem já sofreu, tem agora o dever de acabar com sua causa, e não de propagar o sofrimento e a dor.

Bater em seu filho porque seu pai lhe batia, faz de você um sádico vingativo com uma criança que nunca te fez nada, e que você deveria estar amando ao invés de espancando. Por isso, é preciso podar esta ramificação SIM. Tire ela fora de suas raízes com sua mente. Você é capaz. As marcas da poda não sumirão jamais, nem as memórias. Quando quisermos, poderemos acessá-las. Mas só quando quisermos. Porque com a poda, elas não mais nos assombrarão.

Logo, os grandes traumas podem nos fazer crescer, ou nos destruir de vez nessa existência. A maioria sucumbe. Mas os pouquíssimos que conseguem, parecem gigantes de 25 metros de altura.



Quem quer ser grande, precisa de forças em suas raízes.

Cada dor passada deve ser usada como insumo para se levantar, para a busca por melhora, para enfim, se tornar um criatura gigantesca em utilidade para a Comunidade Humana.

Não há crescimento sem raízes e sem honestidade consigo mesmo e com o mundo.

Não há crescimento sem servir ao outro, mais do que se é servido. Esse é o verdadeiro esporte consciencial. Esse é o nosso verdadeiro prazer na Grande Competição entre nós todos. Uma espécie de competição de Ética Servil, em um mundo sem nenhum rei ou rainha.



Então, nessa vida, você conseguiu ficar sem matar nenhum irmão ou irmã? Que bom, se sim. Viva mais umas 25 vezes assim, e aí sim, olhe para baixo.

Porque você estará no topo do mundo, como um lindo bambu chinês, que passou cinco anos trabalhando suas raízes, para suportar todo tamanho que haveria de ter.

Errar é humano, mas repetir não é.

Não existe nada mais desumano do que repetir no erro.

É verdade que temos várias chances, em várias vidas. Mas isso, passa longe de ser uma boa notícia. Afinal, a cada erro grave que cometemos conscientemente, danificamos nossas raízes e com isso, teremos ainda, mais e mais sofrimento pela frente, e assim sucessivamente.

E para recuperá-las depois … por isso, é melhor que você trate bem delas, e não veja a vida como um videogame.

A vida é uma oportunidade única, que só um tolo não aproveitaria se a conhecesse de verdade.


???? (Bamboo Along Staircase, Saga, Kyoto Prefecture, Japan)

Anúncios