De Volta à Estrada

De volta à estrada
Estou de Volta à Estrada.
O tempo passou, pessoas seguiram, e já estão bem à frente …
Mas o importante, é que Estou de Volta à Estrada.
Não me lembro como eu me perdi,
nem de todos os lugares por que passei, procurando o caminho de volta.
Mas achei. Sei que achei.
E tudo, porque consegui encontrar alguém,
que já conhecia os atalhos de reacesso.
Na verdade, me pareceu até, que ele estava lá só pra isso … pois bem …
E eis que Estou, de Volta à Estrada.
Quando estamos perdidos, conhecemos muito sofrimento,
e dessa parte não esqueço nada.
Lembro de cada detalhe, de cada dor e de quanto durou.
Mas lembro principalmente,
que tudo o que eu queria, enquanto sofria,
era conseguir Estar de Volta à Estrada.

No Vale da Morte existe também, ensinamentos demais,
e o mais importante que aprendi, foi que
da jornada ao inferno, trazemos sempre conosco, na bagagem

A experiência, o respeito e o mérito,
de ter conseguido um dia,
ter Voltado à Viagem.

* agradecimentos à amiga Beatriz Papassoni pela postagem da foto que deu origem à Poesia. Beijos, querida.

* aproveitando a oportunidade, agradeço também, a todos os socorristas, encarnados ou não, que participaram do meu resgate. Muito Obrigado !!! Que deus nos abençoe.Bianca Machado    Elizabete Toledo     PadreBeto
Anúncios