Domingo, 14 de abril de 2013

Bauru tempestades - claro  20º           lua lua nova – 12% /22:06/

Pensa a dor, o sofrimento, no momento em que está sentindo tudo, é realmente dificílimo, quase insuportável, muitas vezes. Por isso, nesses momentos, e também em tarefas impossíveis, devemos desenvolver um método de suportabilidade. Isso garantirá a resistência, a resiliência necessária durante o processo. Se é preciso viajar até uma cidade que fica a 2.000 quilômetros de distância. Pensamos primeiro, os primeiros 1.000. Enganamos nosso inconsciente, repartindo o sofrimento em fases. E assim podemos e devemos fazer com qualquer dor. Seja ela afetiva, psicológica, espiritual ou física.

NeuzaHoje, eu e a Bete recebemos minha tia Neuza aqui em casa. Falamos sobre a mudança para outra casa, e sobre vivermos juntos de novo. Uma nova fase em todos os sentidos. Nunca tivemos tanta reciprocidade de sentimentos … hoje até fazemos terapia um com o outro. Mas não esporadicamente como antes. Agora fazemos sempre. Aprendemos a nos ouvir totalmente. Enfim, a relação mais harmônica que ambos tivemos em nossas vidas. Aliando isso à terceira fase da TV, e uma nova fase existencial minha mesmo, vamos para essa nova proposta de vida pessoal e profissional, bem maduros, e sabendo exatamente o que queremos. Como é bom isso. E a serenidade, não deixa nunca o sentimento de vitória subir à cabeça. A serenidade. Um dia coloquei isso para mim como objetivo primeiro de vida, dentro de uma sala de A.A., e Graças a Deus, me mantive assim, sempre sereno. A tia assistiu a Darlene … e bastante coisa dos políticos. Um dia abençoado mesmo.   Pensei em já fazer o esporte, música e cinema. É …. tá na hora de começar a fase 3. Segunda é dia de várias missões. Formalização vamos nós. Opa, quem sabe comercialização também. Já tive ótimas ideias. Parece inclusive, que não é só no convívio com as cachorras que mudou, a concepção empresarial também.

Anúncios