Cauda Longa


portal-web– Entendi direito, ou ouvi mal ? Cauda longa disse ele ?

– Sim, exatamente isso.

A permanência na rede para consulta a qualquer hora.

A entrada para História.

Que começamos só agora, a escrever de verdade.

Não falaremos mais de detalhes, sobre a vida

e a trajetória das pessoas, apenas por documentos e fotografias.


cauda-longa1Teremos câmeras em todo lugar. Teremos imagens de todos.

Ninguém que queira entrar no mundo escapará da eternização.

O registro perpétuo de civilizações, famílias e indivíduos.

Onde o público e o privado estarão mais ligados do que nunca.

Onde tudo o que é momentâneo, passageiro, como o Teatro,

virará memória para posteridade, virará Cinema.

Um Big Brother acessível para qualquer um que quiser,

e por isso mesmo, no futuro, a maioria sentirá saudades dos tempos de hoje.

Que está prestes a se tornar amanhã.

Cauda longa. Viverás bastante, caríssima WEB.

Talvez tenha até entendido errado, mas até mesmo no mundo das suposições, podemos achar o que procuramos. Diversos são os caminhos que levam à verdade.

Paul Sampaio


Contudo, o google não deixa espaço mais, para tantas suposições.

Cauda Longa, já é uma expressão da área, que eu não conhecia ainda … rsrsrsrs … mas o que seria dos poetas, se não fosse a ignorância ?


fontewikipedia

Cauda longa
Uma distribuição de cauda longa. Note que as áreas das duas regiões são iguais, onde a região para a direita representa a cauda longa.

O termo cauda longa ganhou popularidade recentemente como uma maneira de descrever a estratégia de varejo de se vender também uma grande variedade de itens onde cada um vende pequenas quantidades, ao invés de apenas os poucos itens populares que vendem muito.

A Cauda Longa foi popularizada por Chris Anderson em um artigo na revista Wired em outubro de 2004, no qual ele mencionou a Amazon.com, a Apple e o Netflix como exemplos de empresas que aplicam esta estratégia.

Chris então elaborou o conceito no seu livro A Cauda Longa – Do mercado de massa para o mercado de nicho.

Os baixos custos de distribuição e armazenamento de empresas que aplicam esta estratégia com sucesso (por exemplo, com a distribuição digital), as permitem obter uma quantidade significativa de lucro vendendo produtos incomuns para várias pessoas, ao invés de se limitar aos poucos produtos populares que vendem em maior quantidade. O conjunto das vendas desta grande quantidade de produtos não populares é chamada de Cauda Longa.

Dadas opções abundantes, uma grande população de consumidores, e custos desprezíveis de armazenamento e distribuição dos produtos, o padrão de compras da população resulta na demanda dos produtos seguirem uma distribuição de probabilidade segundo uma lei de potência.

MilagreO conceito da Cauda Longa já se encontra presente em muitas áreas.

É usado em negócios online, comunicação de massa, micro-finanças (Grameen Bank), inovação orientada pelo usuário (Eric von Hippel), mecanismos de redes sociais (crowdsourcing, peer-to-peer), modelos econômicos, e marketing viral.

A distribuição de frequências com uma cauda longa já vem sendo estudada por estatísticos desde pelo menos 1946.[5] O termo também já vem sendo usado em finanças[6] e negócios de seguros[1] há vários anos, também sendo referido como “cauda gorda” ou “cauda pesada”.

Palavras escritas para José Milagre.

Anúncios